Geopolítica Enem e Vestibular: Entenda esta matéria agora mesmo.

Geopolítica Enem e Vestibular

Geopolítica Enem e Vestibular: Confira dicas de como ir bem nessa matéria que acaba confundindo muita gente na hora das provas.

A Geopolítica Enem e Vestibular acaba confundindo muita gente, justamente por se misturar com acontecimentos da atualidade. Pensando nisso, decidimos explicar aqui de maneira breve exatamente o que se trata essa matéria. Vamos lá ?

O que é Geopolítica Enem e Vestibular

A matéria de atualidades costuma estar presente em todas as disciplinas, porém existem questões que exigem do candidato ter uma leitura diária dos acontecimentos no país e no mundo.

Podemos definir a Geopolítica como ações e práticas do poder dos Estados Nacionais, para gerenciar e controlar os seus territórios. Porém, pode-se observar situações que a relação vai além da noção de Estado, como organizações regionais como a ONU e OTAM.

Geopolítica não é o mesmo que Geografia política, isso porque apesar de se relacionarem nós consideramos como áreas diferentes do conhecimento. A maior diferença entre as duas expressões é a forma com que cada uma aborda determinado tema.

A Guerra Fria, por exemplo, trouxe a tona muitos princípios da Geopolítica, pois o tema central foi justamente uma guerra ideológica e de território entre duas grandes potências: União Soviética e os Estados Unidos da América. Com um grande foco nas ações do Estado, no que se refere às decisões estratégicas e a definição dos padrões e valores sociais.

E ao terminar a Guerra Fria, as maiores discussões em relação a Geopolítica foi justamente no combate ao terrorismo, problemas socioambientais, redefinições das fronteiras nos países africanos e do Oriente Médio e também é claro à questão nuclear.

Resolvendo Questões Geopolítica Enem e Vestibular.

1. (Fuvest 2010) A Organização dos Estados Americanos (OEA) revogou, por meio da Resolução de 03/06/2009, a decisão, tomada em 1962, que excluía Cuba dessa organização. Em relação a esse tema, é correto afirmar que

a) os países membros impuseram, como condição para a volta de Cuba à OEA, o cumprimento do acordo de fechamento da prisão de Guantánamo.
b) o retorno de Cuba à OEA deve resultar de um processo de diálogo a pedido do próprio governo cubano.
c) a atual decisão da OEA foi criticada por países da América do Sul que não fazem parte dessa organização como, por exemplo, Venezuela e Bolívia.
d) o Brasil não participou da decisão da OEA, em junho de 2009, mantendo-se alheio ao processo de diálogo e de negociação com Cuba.
e) os EUA retiraram-se do processo de discussão da referida Resolução por discordarem da readmissão de Cuba à OEA.

2. Como o banco dos Brics altera a geopolítica financeira

A instituição criada em julho de 2014 pelas nações que integram o grupo de emergentes – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – pretende financiar os primeiros projetos de desenvolvimento sustentável em países pobres já a partir do ano que vem (…)

O acordo para a criação do banco de fomento a investimentos públicos entrou em vigor no dia 3 de julho [de 2015]. O banco terá sede em Xangai, na China, e será presidido durante um primeiro mandato de cinco anos pelo indiano K. V. Kamath. O capital inicial é de 50 bilhões de dólares, somado a um fundo de resgate financeiro – Arranjo Contingente de Reservas – no valor de 100 bilhões de dólares. Os líderes dos Brics definem os detalhes do funcionamento da instituição nesta quarta e quinta-feira, durante a cúpula (…).

Deutsche Welle, 08 jul. 2015. Acesso em: 14 ago. 2015 (adaptado).

A posição dos BRICS na geopolítica atual, mediante a ação acima exposta, reflete uma postura de:

a) concorrência com os principais centros comerciais estrangeiros.
b) desalinhamento com a política dos países desenvolvidos.
c) disputa bélica entre países subdesenvolvidos e desenvolvidos.
d) liderança sobre as economias emergentes e do chamado “segundo mundo”.
e) subalternidade perante os polos dominantes de poder na ordem mundial atual.

3. (UFPB 2008) A organização do território de um espaço nacional, assim como as relações de produção, refletem a natureza do sistema social e político, que comanda as relações de produção desse território. Nesse sentido, é correto afirmar:

a) A organização do espaço brasileiro, para ser entendida, requer a compreensão tanto do processo de desenvolvimento do capitalismo internacional em sua expansão quanto das especificidades desse sistema na formação social brasileira.
b) Todas as alterações nas formas de dependências, que o poder latino-americano conhece, estão ligadas ao rompimento dos laços construídos historicamente, porém, somente a dependência econômica se mantém.
c) O subdesenvolvimento latino-americano é conseqüência direta da característica tipica­mente tropical desse continente e do estágio primitivo de suas populações autóctones.
d) O desenvolvimento econômico, social e político do território brasileiro tem sua ori­gem nas políticas nacionalistas, implantadas no período colonial.
e) O território está formado por uma sociedade constituída, principalmente, por uma maioria com alto poder aquisitivo e uma minoria com baixo poder aquisitivo.

Gabarito Questões Geopolítica Enem e Vestibular

1. letra B.
2. letra B.
3. letra A.

Matricule-se agora no Exato Vestibulares e tenha a melhor preparação Assine Já!